Written by 07:12 Cultura, Música, Notícias Views: 9

Jaiussa anuncia novo EP do projeto Qualyra

O projeto em andamento conta com diversas colaborações e promete ser um dos destaques musicais de 2024.

Capa do EP EP #EraQualyra: Amor em Bloco de Notas.

Crédito: Álvaro A. Alves

Jaiussa, talentosa multiartista trans de São Luís do Maranhão radicada em Curitiba, está prestes a lançar o quarto episódio oficial da EraQualyra, o EP #EraQualyra: Amor em Bloco de Notas.

O álbum, que segue uma série de singles lançados desde 2022, destaca-se por demonstrar a potência da identidade de Jaiussa em criar novos significados no imaginário de sua origem local com uma rica diversidade de sonoridades.

Explorando QUALYRA: Riqueza sonora e identidade multifacetada

QUALYRA, o álbum em questão, surge como uma expressão artística que transcende rótulos. Jaiussa, conhecida na cena curitibana por suas performances icônicas (como na 21ª edição da Parada da Diversidade LGBTQ+ de Curitiba, cantando para mais de 30 mil pessoas), apresenta um mergulho profundo nas sonoridades nordestinas e nortistas.

Elementos de tecnobrega, reggae (fortemente presente em sua terra natal) e nuances de R&B, Jersey, e música eletrônica se entrelaçam, criando um panorama musical tão rico quanto a própria jornada da artista.

De na minha a difícil de amar: Uma narrativa de amor

O EP Amor em Bloco de Notas é uma experiência envolvente que destaca quatro faixas do álbum ainda por vir, incluindo as inéditas (boi) e difícil de amar, além das já conhecidas pra ser exata e na minha.

Jaiussa, que também se aventura na produção ao lado de talentos como Felino e Kid From Amazon, constrói uma narrativa única sobre o amor a partir de experiências pessoais.

E de onde vem Qualira?

Qualira é uma palavra pejorativa usada no Maranhão, originada de uma expressão criada durante o período Brasil Colônia.

Utilizado para apontar feminilidade em corpos dissidentes, se consolida em uma ferramenta para o preconceito contra pessoas LGBTQ+ no território maranhense.

No universo de Jaiussa, a palavra se escreve com “y” em memória das escritas ancestrais indígenas.

O Bloco “sofrência” de Jaiussa e o desafio de falar de amor no Carnaval

Este novo trabalho de Jaiussa não apenas ressoa com sua trajetória única, mas também destaca a capacidade da música em transcender fronteiras, ressignificando dores e celebrando a autenticidade.

Com a produção do sul mato-grossense Felino em (boi), difícil de amar e pra ser exata ft. Donna Bagos e do paraense Kid From Amazon em na minha, o EP será lançado no pré-carnaval de 2024 e no dia 8 de fevereiro, Jaiussa traz seu bloquinho da sofrência #EraQualyra: Amor em Bloco de Notas.

(Visited 9 times, 1 visits today)
Close
Pular para o conteúdo