Written by 07:38 Lifestyle, Notícias, Saúde e medicina Views: 4

O que esperar da saúde mental em 2024?

Especialistas preveem aumento na busca por tratamentos e cuidados com a saúde mental nos próximos anos.

Foto de mãos segurando um molde de uma cabeça.

A saúde mental tem sido um tema cada vez mais discutido e valorizado nos últimos anos.

Com a pandemia de Covid-19 e os desafios enfrentados pela população mundial, a preocupação com o bem-estar emocional e psicológico tornou-se ainda mais evidente.

Diante desse cenário, especialistas projetam um aumento na busca por tratamentos e cuidados com a saúde mental nos próximos anos.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a saúde mental é um estado de bem-estar no qual o indivíduo é capaz de lidar com as demandas normais da vida, trabalhar de forma produtiva e contribuir para a comunidade.

No entanto, estima-se que cerca de 450 milhões de pessoas em todo o mundo sofram de algum transtorno mental, o que representa uma em cada quatro pessoas.

Segundo dados do Instituto Nacional de Saúde Mental dos Estados Unidos, a depressão é a principal causa de incapacidade em todo o mundo, afetando mais de 264 milhões de pessoas.

Além disso, estima-se que a ansiedade afete cerca de 284 milhões de pessoas globalmente.

Esses números alarmantes evidenciam a importância de se investir em políticas públicas e ações que promovam a saúde mental e garantam o acesso a tratamentos adequados.

Para o Ulisses Jadanhi, CEO e fundador da Enlevo, especializada no ensino de psicanálise, a demanda por serviços e tratamentos nessa área tende a crescer nos próximos anos.

“A pandemia de Covid-19 revelou uma série de desafios emocionais e psicológicos para as pessoas. O isolamento social, o medo da contaminação, a perda de entes queridos e a incerteza em relação ao futuro são apenas alguns dos fatores que contribuíram para o aumento dos transtornos mentais”, afirma.

Além disso, o executivo destaca que a saúde mental também tem se tornado uma preocupação crescente no ambiente corporativo.

“As empresas estão percebendo a importância de promover um ambiente de trabalho saudável e acolhedor, que valorize o bem-estar dos colaboradores. Afinal, funcionários mentalmente saudáveis são mais produtivos, engajados e propensos a permanecerem na organização a longo prazo”, ressalta.

“Nossa missão é oferecer ferramentas e recursos para que os profissionais ajudem as pessoas a cuidarem de sua saúde emocional e psicológica de forma acessível e eficaz. Acreditamos que, ao democratizar o acesso a tratamentos e terapias, podemos contribuir para a construção de uma sociedade mais saudável e resiliente”, destaca Jadanhi.

(Visited 4 times, 1 visits today)
Close
Pular para o conteúdo