Written by 07:34 Cultura, Educação, Notícias, Social Views: 5

MAM Educativo abre inscrições para cursos gratuitos

Organizados em diferentes modalidades artísticas, os cursos de longa duração do Igual Diferente convidam o público a fazer e pensar a arte em um ambiente criativo e acessível, independente de condições físicas, sociais ou psíquicas do aluno.

Alunos do Igual Diferente, programa de cursos gratuitos e de longa duração do MAM Educativo.

Crédito: Karina Bacci

Estão abertas até o dia 11 de março, no site do Museu de Arte Moderna de São Paulo, as inscrições para os cursos do primeiro semestre do Igual Diferente, programa do MAM Educativo, que é um importante pilar do Museu para promover a acessibilidade e inclusão.

50% das vagas são destinadas a pessoas com deficiências, idosas, trans, negras e indígenas, e 50% são para o público geral interessado.

As pré-inscrições serão realizadas a partir do preenchimento do formulário em cada aba dos cursos no site do MAM.

Com vagas limitadas, o processo de seleção é feito por um critério de avaliação socioeconômico.

Não é de hoje que Acessibilidade e Inclusão são caras ao Museu de Arte Moderna de São Paulo.

O MAM foi o primeiro museu brasileiro a oferecer uma programação continuada para públicos que, por muito tempo, estiveram distantes do circuito cultural.

Igual Diferente, programa de cursos gratuitos e de longa duração criado em 1998 dentro do MAM Educativo, culminou na criação da área de Acessibilidade dentro do MAM, que atuando de forma transversal nas ações do Museu, procura garantir um espaço sem barreiras, sejam elas físicas, sensoriais, intelectuais ou simbólicas.

Ele integra cursos gratuitos de diversas modalidades artísticas, que convidam o público a fazer e pensar a arte em um ambiente criativo e acessível a todos, independentemente de sua condição física, social ou psíquica.

São módulos semestrais de temas como linguagens gráficas, fotografia, performance e dança.

Ao fim do período, o curso é finalizado com uma exposição dos trabalhos desenvolvidos pelos alunos.

Desde o início, o objetivo do Igual Diferente vai além de incluir pessoas com limitações físicas, cognitivas ou sensoriais na programação e na vida do Museu, buscando incluir e aproximar o Museu, instituição, funcionários, alunos e visitantes, ao universo de pessoas diversas.

A existência desse programa no MAM gera significativos aprendizados e impactos em diversas instâncias: nos alunos, nos professores, na equipe, em seus visitantes.

Ao longo de seus 26 anos, o programa já foi reconhecido em diversas premiações, como Prêmio Microprojetos Ibram (2013), Guia de acessibilidade cultural (2012), Prêmio Ibero-americano de Educação em Museus, organizado pelo Ibermuseus (2011), Prêmio Cultura e Saúde (2010 e 2008), Prêmio Loucas pela Diversidade (2009), primeiro lugar no Prêmio Darcy Ribeiro (2009), V Prêmio Arthur Bispo do Rosário (2009), Prêmio Ludicidade (2008) e Prêmio de Inclusão Social (2005).

(Visited 5 times, 1 visits today)
Close
Pular para o conteúdo