Written by 07:55 Cultura, Moda e beleza, Música, Notícias Views: 3

Mais de 40 mil pessoas celebram moda nacional no DFB Festival 2023

O último dia reuniu a apresentação em primeira mão das coleções de grandes estilistas e projetos de moda, como Queirozbruno, Erica Rosa, Coleção Energia by Enel, Marina Bitu, Dribbled e David Lee.

Crédito: Rogério Lima

O maior encontro de moda autoral da América Latina faz seu balanço de uma edição histórica.

A 24ª edição do DFB Festival, realizado entre os dias 31 de maio e 3 de junho, no Centro de Eventos do Ceará, celebrou a moda, a música, as artes e a cultura regional e nacional.

“O DFB Festival impacta positivamente toda a cadeia produtiva da moda no Ceará. É possível afirmarmos que o DFB está à altura do que a moda e a economia criativa representam para o nosso estado. Esta é uma edição que vai ficar para história. Reunimos pessoas de todo o país para prestigiar desfiles, palestras, shows e as demais ações propostas pelo nosso festival. Nos inspiramos nos princípios do movimento para lembrar que o próprio DFB está em constante transformação”, celebram Cláudio e Helena Silveira, diretores do DFB Festival.

DFB em números

Distribuído em uma área totalmente climatizada de 10.000 m² no Centro de Eventos do Ceará, o DFB contemplou uma extensa programação multidisciplinar, com atrações para diversos eixos de atuação, como cultura, por meio de desfiles, shows, exposições e mostras multiculturais. 

Em quatro dias de programação, o evento reuniu mais de 40 mil pessoas, com programação 100% gratuita, plural e aberta a todos.

Sozinho, o festival gera 3,6 mil postos de trabalho, diretos e indiretos.

No segmento moda, 33 desfiles embalaram a maior sala da categoria em todo o Brasil. Na cultura, o evento apresentou 23 shows gratuitos, de artistas locais e nacionais.

Incentivando o empreendedorismo e a economia criativa, o Mercado Criativo DFB Festival reuniu 40 expositores, sendo micros e pequenos empreendedores das áreas de moda e design.

Concurso dos Novos

O sábado de DFB Festival também contou com a final do Concurso dos Novos, desfiles idealizados por alunos de instituições brasileiras de ensino superior e técnico de estilismo e moda, que este ano trouxe estudantes do UniAteneu (CE), IFRN (RN), UFC (CE), UFMG (MG), UNAMA (PA), Unifor (CE), UDESC (SC) e UFCA (CE).

Em primeiro lugar, os vencedores da Universidade Federal do Cariri (UFCA) levaram um prêmio em R$ 10.000,00 mil reais.

Intitulada de Autofagia, a coleção é inspirada pela força transformadora das águas encantadas do Cariri.

Suas formas fluidas e cores vibrantes são uma representação da diversidade e da interconexão entre todos os seres vivos.

MoveModa – Fashion Films

Neste ano, a 4ª edição da Mostra MoveModa – Mostra Competitiva de Fashion Films de Curta Metragem, propôs um olhar criativo sobre o tema das possibilidades energéticas sustentáveis para o futuro da indústria da moda.

Ao todo, foram selecionados 28 vídeos de quatro estados para o MoveModa, sendo 23 do Ceará; três do Rio Grande do Nordeste; um de Minas Gerais e um do Rio Grande do Sul.

Os vídeos foram exibidos sempre antes dos desfiles e no feed do perfil oficial do DFB.

Na categoria Fashion Film Independente do Ano (obra audiovisual sem vínculo com marcas comerciais, embora possa fazer referência a uma ou mais marcas), o vencedor foi Transbordam vielas, de Murilo da Paz e Deyse Herle, que levou premiação de R$ 4.000,00 (quatro mil reais) + troféu DFB Move Moda.

Na categoria Pensamento Crítico (curta-metragem com discurso, ideia ou conceito que se propõe a imprimir uma mensagem capaz de transcender o próprio universo da moda), o prêmio de R$ 3.000,00 (três mil reais) + troféu DFB Move Moda foi concedida à Para dona Geralda, de Felipe Mota e Gisele Cruz.

Já na categoria Inovação em Linguagem (obra com caráter mais experimental e livre), o ganhador foi o fashion film Do lado de dentro, de Monique Parente e Glória de Oliveira, levando R$ 3.000,00 (três mil reais) + troféu DFB Move Moda.

DFB fomentou o mercado da moda

Mantendo a tradição de qualificar e profissionalizar o mercado, o DFB apresentou palestras, talks e workshops direcionados a estudantes de estilismo, design, marketing, gastronomia e beleza, que também participaram de forma prática da logística do evento no programa de voluntariado.

No line-up de palestras, talks exclusivos como: Edição especial Inova Moda Digital – Inverno 24, apresentado pelo Senai Cetiqt (RJ); Descomplicando os negócios criativos – Protocolos simples e acessíveis transformados em aliados do sucesso, mediado por Laizi Fracalossi e apresentado por APSV; Espíritos Do Tempo – Arte – Moda – Rua – Londres – Paris, mediado por Mario Queiroz, e o Momento beleza com Niina Secrets, apresentado pela Infinity + Eudora.

Com o tema Em Movimento, a edição 2023 do DFB Festival destacou o potencial de reinvenção, evolução e impacto social do evento, que se consolidou como um dos maiores propulsores da cultura criativa no cenário nacional.

DFB celebrou a música

A programação de shows do DFB Festival 2023 foi integrada ao espaço de restaurantes e bares, situando o palco das apresentações na ágora do evento, principal ponto de convergência do festival.

Os shows foram uma parceria entre o DFB Festival (responsável pela estrutura) + After Experience + Gandaia Club.

Na programação musical, apresentações de KVSH, Thigas, DJ Viúva Negra, DJ Negona, Clara Martod, Zito Maia, Samba do Mar, Silas, Olivia Oliboni, Mumutante, Babita e Lucas, Daniel Freire, Berlim Tropical, Lia Pressler, The Dillas, DJ Morr, DJ Zulu, DJ Femo, AK (Ana Kethlen), Nayra Costa ft Rodrigo Lobbão, Miri’am e Lola, Iago Vital, DJ Savio Machado e DJ Everon.

Novidades para 2024

Durante o encerramento do evento, Cláudio Silveira, anunciou novidades para 2024.

“A partir do próximo ano, um novo formato de evento está sendo preparado, um novo DFB ainda mais plural, diverso e complexo, onde a moda avança uma casa e deixa o protagonismo do evento para outras formas de celebrar a criatividade e a inovação. É o movimento que nos leva adiante”, destaca o idealizador do DFB.

O DFB Festival 2023 é uma realização da equipe de produção, com apoio institucional da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult-CE), nos termos da Lei 13.811, de 16 de agosto de 2006, apoio da Prefeitura Municipal de Fortaleza, Sebrae-CE, Secretaria de Turismo do Estado do Ceará e parceria da Vicunha.

Agradecimento à Enel Brasil.

(Visited 3 times, 1 visits today)
Close
Pular para o conteúdo