Written by 07:20 Cultura, Entrevista, Exposição e Mostra Views: 7

Evento explora o mundo dos Quadrinhos Nacionais

Paula Ramagem, jornalista e curadora da exposição Do Gibi aos Quadrinhos – Os Super-Heróis Brasileiros, conta tudo e mais um pouco sobre o evento que acontece no RJ.

Foto da entrevistada Paula Ramagem, jornalista e curadora da exposição Do Gibi aos Quadrinhos - Os Super-Heróis Brasileiros.

Em uma imersão no universo dos quadrinhos nacionais, a exposição Do Gibi aos Quadrinhos – Os Super-Heróis Brasileiros desponta como uma celebração da cultura e da arte brasileira.

Com curadoria de Paula Ramagem e Raphael Gomide, a mostra pretende revelar a riqueza e a diversidade dos personagens e autores nacionais que permeiam essa narrativa visual tão peculiar.

A exposição, que recebe curadoria de Paula Ramagem e Raphael Gomide e conta com apoio da Editora Kimera e Rio Comics, fica até 24/02, na sala A, 3º andar do Centro Cultural Correios RJ.

Entrevistamos Paula Ramagem, jornalista e curadora, para compreender a importância desse evento para a promoção da cultura e da arte em território brasileiro e muito mais.

Victor Hugo Cavalcante: Primeiro, é um prazer recebê-la e gostaria de começar perguntando: Como jornalista e curadora da exposição Do Gibi aos Quadrinhos – Os Super-Heróis Brasileiros, qual é a importância de eventos como esse para promover a cultura e a arte brasileira?

Paula Ramagem: Montar uma exposição de quadrinhos foi um desafio que abracei com muito prazer porque os produzidos no Brasil são praticamente desconhecidos, e essa produção nacional é vasta, criativa e merecedora de todos os créditos por sua qualidade. 

Sendo assim, convidei Raphael Gomide para a co-curadoria por sua vivência nessa área, através do Quadrimundi.

Decidimos expor os super-heróis brasileiros e o trabalho dos autores quadrinistas, para que fossem divulgados, para que os visitantes tomassem consciência de sua existência.

Os quadrinhos tiveram um impacto significativo na cultura pop, inspirando filmes, programas de televisão, música e moda.

A exposição Do Gibi aos Quadrinhos – Os Super-Heróis Brasileiros, em cartaz no Centro Cultural Correios RJ, tem sido uma agradável surpresa para todos.

Inclusive temos recebido convites para levá-la a outras cidades, espaços, o que me deixa muito feliz.

Significa que agora muitas pessoas já sabem que existem quadrinistas brasileiros e super-heróis brasileiros, de todas as regiões, gêneros e raças.

Victor Hugo Cavalcante: Considerando a variedade de personagens apresentados na exposição, como você acredita que eles refletem as características socioculturais do Brasil?

Essa foi uma das premissas da exposição, representar a todos.

Há personagens de todas as regiões brasileiras, com suas características bem marcantes, de vários gêneros, raças, PcD, etc.

A exposição é representativa, inclusiva, traz pertencimento, ancestralidade, empatia e respeito.

Victor Hugo Cavalcante: Como foi a parceria com a Editora Kimera e a Rio Comics para viabilizar a realização da exposição?

A parceria nos permitiu justamente trazer os personagens para serem expostos, por meio de imagens, painéis, totens, marcadores, exemplares de revistas, etc.

O vídeo foi produzido por Maurício Bigmau.

Victor Hugo Cavalcante: Além da exposição em si, quais são as atividades paralelas que os visitantes podem esperar ao participar do evento?

Temos visitas guiadas com o Raphael Gomide, e palestras com quadrinistas, falando sobre diversos temas relacionados à nona arte.

Já passaram Adalberto Bernardino, que trouxe capas de quadrinhos de 1907 até os dias atuais, Anísio Serrazul, que tratou de empreendedorismo e Valu Vasconcelos, que falou da importância em transformar os quadrinhos de super-heróis brasileiros em desenhos animados.

A última palestra, no dia 24/2, data do encerramento da exposição, será com Vanderlei Sadrack, diretor da Editora Kimera, que vai dar um panorama sobre sua atuação no mercado de quadrinhos brasileiros.

Vanderlei é uma das pessoas mais importantes nessa área, nosso Stan Lee brasileiro.

Victor Hugo Cavalcante: Qual mensagem você espera que os visitantes levem consigo após visitarem a exposição Do Gibi aos Quadrinhos – Os Super-Heróis Brasileiros?

Que abracem a cultura nacional e a conheçam melhor, pois tem muito a oferecer, que passem adiante a existência de nossa produção de quadrinhos, que existem super-heróis brasileiros.

Que acima de tudo tomem como exemplo a preocupação com a representatividade, com a diversidade e com o respeito às diferenças.

E que sonhar é possível e realizar, uma realidade se trabalhar por isso.

Obrigada a todos que nos visitaram!

(Visited 7 times, 1 visits today)
Close
Pular para o conteúdo