Written by 07:55 Notícias, Saúde e medicina Views: 5

Especialista explica benefícios da cirurgia estética facial

Rejuvenescimento, correção de assimetria e afinamento do rosto são alguns dos benefícios do procedimento.

Muitas pessoas buscam cirurgias estéticas faciais sem, antes, se informarem sobre os resultados possíveis de serem alcançados por meio dos procedimentos.

Conforme afirma o cirurgião bucomaxilofacial, Dr. Rafael Evaristo, especializado em rejuvenescimento facial e uma referência nacional nesse campo, a intervenção na face pode proporcionar um rejuvenescimento na área tratada.

“Muitas pessoas optam por cirurgias a fim de reduzir os sinais de envelhecimento, como rugas, flacidez da pele e perda de volume. Procedimentos como o lifting, a blefaroplastia (cirurgia das pálpebras) e o preenchimento podem ser fundamentais para alcançar esse objetivo”, assegura.

Outra razão pela qual as pessoas buscam cirurgias estéticas faciais é para a correção de assimetrias.

Os procedimentos podem ser usados para corrigir desequilíbrios na estrutura facial, como nariz torto, queixo desalinhado e orelhas proeminentes.

“É recomendado para aqueles que desejam obter um rosto mais harmonioso. Diferentes tipos de intervenções podem contribuir para afinar e esculpir a região, criando um contorno mais equilibrado. Isso dependerá muito de cada caso e das preferências do paciente”, pontua o especialista.

Pessoas que desejam modificar o formato do nariz podem optar pela rinoplastia, que permite melhorar a forma e o tamanho da área operada, criando um perfil mais equilibrado.

Pacientes que se incomodam com marcas de nascença e outras imperfeições na pele também podem recorrer a esse procedimento, conforme aponta o Dr. Rafael Evaristo.

“A intervenção não é apenas utilizada para realçar a beleza, mas também para auxiliar vítimas de acidentes. Em situações de traumas ou condições médicas que afetam a estrutura facial, a cirurgia pode ser empregada para reconstruir e restaurar tanto a função quanto a estética”, explica o Dr. Evaristo, enfatizando a importância de que o procedimento seja conduzido por um cirurgião qualificado e experiente.

Antes de tomar a decisão de seguir adiante com a mudança, o paciente deve ter expectativas realistas, compreender os riscos envolvidos e discutir suas preocupações e objetivos com um profissional de saúde.

“Além disso, é fundamental ressaltar que a cirurgia estética facial não é adequada para todos, e, dependendo das necessidades individuais, outras opções, como tratamentos não cirúrgicos, podem ser consideradas”, conclui.

(Visited 5 times, 1 visits today)
Close
Pular para o conteúdo