Written by 07:54 Cultura, Cursos, Workshops e +, Exposição e Mostra, Música, Notícias Views: 8

SP tem programação cultural com homenagem aos Beatles

Além disso, as instituições da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas do Estado de São Paulo ainda receberá outros eventos, cursos e exposições.

Foto de obra exposta na mostra Lucy in The Sky with Sprays.

Nas instituições da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas do Estado de São Paulo, a programação cultural está repleta de atrações.

Na capital, as atividades incluem: uma mostra em homenagem ao legado dos Beatles, no Edifício Oswald de Andrade; Festa Junina e Festival do Milho, no Memorial da América Latina; e cursos nos Museus da Imagem e do Som (MIS) e Casa Mário de Andrade.

Já no interior, o Revelando SP retorna à Iguape, após um hiato de sete anos, e Angela Ro Ro agita a capital da música, Tatuí, com um show memorável.

A mostra Lucy in The Sky with Sprays acontece no Edifício Oswald de Andrade, localizado na Rua Três Rios, 363 — Bom Retiro, São Paulo, de 5 de junho a 7 de julho, das 10h às 21h.

A nova exposição gratuita do Edifício Oswald de Andrade é dedicada a homenagear o legado dos inimitáveis Beatles.

Os visitantes serão levados ao universo da banda por meio das suas inesquecíveis músicas.

São 11 obras, que transformaram as músicas de maior sucesso da banda em telas de grafitti.

As peças elaboradas para esta exposição foram preparadas pelos grafiteiros Mandi, Dél, Banguone, Nino, Kueio, Melancia, Pandora, Credo, Sow, Ana Kia e Tigre.

Já o Revelando SP em Iguape será realizado no Centro de Eventos Prefeito Casimiro Teixeira, localizado na Rua Ana Cândida Sandoval Trigo — Iguape.

Após sete anos, o Revelando SP retorna à Iguape de 14 a 16 de junho, a partir das 11h.

O festival com entrada gratuita, que promove uma viagem pelas tradições do estado, terá muitas produções artesanais, culinária típica e manifestações culturais.

A programação de shows conta com Oswaldo Montenegro, cantor e compositor que está comemorando 50 anos de trajetória; Fernanda Costa, cantora apadrinhada pela dupla Bruno & Marrone e que é hoje um dos maiores expoentes da “sofrência”; e Gabriel Sater, trazendo em seu show composições próprias e releituras de músicas que fizeram parte do remake da novela Pantanal (2022).

Já os amantes de festa junina e milho poderão curtir a Festa Junina e o Festival do milho no Memorial da América Latina, localizado na Av. Mário de Andrade, 664 — Barra Funda, São Paulo, nos dias 15 e 16 de junho, das 11h às 21h.

O Memorial da América Latina vai ferver com a tradicional Festa Junina e o imperdível Festival do Milho, e o melhor: tudo gratuito.

Além de uma programação musical de primeira, vai ter muita comida típica para ninguém botar defeito.

Tatuí, conhecida como Capital da Música, apresentará a artista e compositora Angela Ro Ro, dona de um canto raro e emocionante, no Teatro Procópio Ferreira (Rua São Bento, 415 — Centro, Tatuí).

A artista caminha por esses 40 anos de profissão pisando em trilhas diversas que vão de bossa nova ao rock, com clássicos cultuados desde o início de sua carreira.

O show faz desse repertório uma viagem do passado ao futuro que se estampa em seu otimismo e humor.

Os ingressos vendidos por R$ 20 e R$ 10 (meia) podem ser adquiridos de forma online.

A festa junina será diferente na Brasilândia, com a Festa da Brasa, que receberá o grupo Fundo de Quintal para embalar as danças, brincadeiras e comidas típicas do evento.

Com entrada gratuita, evento acontece no dia 30 de junho, das 13h às 19h, na Fábrica de Cultura Brasilândia (Avenida General Penha Brasil, 2508 — Brasilândia, São Paulo).

A exposição Pertencimentos transnacionais: movimentos e ritmos na música africana é composta de registros audiovisuais feitos em apresentações e oficinas de dança e percussão do oeste da África, promovidas por quatro migrantes músicos de Guiné-Conacri residentes em São Paulo.

A mostra temporária (de 2 de junho até 31 de agosto, de terça a sábado, das 9h às 18h, e domingo, das 10h às 18h) reflete sobre a simultaneidade da experiência migratória em campos sociais.

Para conferir basta comprar ingresso no valor de R$ 16 e meia-entrada para estudantes e pessoas acima de 60 anos.

Já aos sábados a visita é gratuita.

A direção de fotografia é uma área crucial na produção cinematográfica, responsável por criar a estética visual de um projeto audiovisual.

Com enfoque prático, os participantes do curso Direção de fotografia no MIS estarão imersos em uma compreensão avançada das técnicas e dos equipamentos necessários para transformar uma simples imagem em uma obra cinematográfica envolvente.

Curso acontece no MIS nos dias 07, 12, 14, 19, 21, 26 e 28 de junho e 03 e 05 de julho, das 19h às 21h.

Para celebrar seus dois anos de atuação, com mais de 52 mil visitantes, o Museu das Culturas Indígenas prevê atividades gratuitas como feira de artesanato; lançamento de mapa interativo; debates sobre meio ambiente, sociobiodiversidade e patrimônio indígena; a exibição de documentários; realização de oficinas; apresentações culturais e muito mais.

Mais detalhes da programação pode ser conferido online

Anita Malfatti e seu cesto de frutas tropicais; Tarsila do Amaral e seus cactos, mamoeiros e manacás; Mário de Andrade e suas rosas paulistanas.

Inspirados nos muitos usos da botânica pelos artistas e escritores modernistas, o Museu Casa Mário de Andrade convidará 20 participantes para uma oficina de confecção de terrários artísticos e literários a ser realizada em 22 de junho, das 14h às 16h30.

Inscrições podem ser feitas online até o dia 21 de junho.

Em junho, o Museu da Língua Portuguesa é grátis aos fins de semana.

Os ingressos serão grátis para todas as pessoas aos sábados, como já ocorre, e agora também aos domingos, quando a visitação aos espaços expositivos costuma ser mais tranquila.

Além da exposição temporária Línguas africanas que fazem o Brasil, no dia 8 de junho, das 14h às 17h, acontece a 3ª edição da Feira de Troca de Livros, no Saguão B, Pátio B e calçada.

A cada edição, as pessoas são estimuladas a trocar com o Museu até oito livros em bom estado: sendo quatro livros por outros quatro da instituição e quatro livros por quatro ingressos (válidos até 29 de dezembro de 2024).

(Visited 8 times, 1 visits today)
Close
Pular para o conteúdo