Written by 08:09 Cultura, Literatura, Notícias Views: 2

Livro nacional de ficção apresenta o pai das fake news

Em novo livro, cineasta Paulo Nascimento revela o método do mago das campanhas políticas para dividir a sociedade e construir um inimigo a ser combatido.

Crédito: Divulgação/Citadel Grupo Editorial

Depois da eleição de Donald Trump nos Estados Unidos e do Brexit na Europa, Benny T. S. desembarca em Vera Cruz para uma nova missão: eleger presidente um político até então insignificante para a população.

Como poderia colocar uma liderança do baixo clero no topo do pódio de uma corrida eleitoral?

Para ele, só tem um jeito: distorcer as informações.

O pai das fake news, novo livro do escritor e cineasta Paulo Nascimento, é a história fictícia do homem considerado o mago das campanhas políticas.

Ele é capaz de derrubar qualquer concorrente e sua maior arma é a manipulação.

“As notícias falsas na internet poderiam facilmente não existir
se as pessoas não fossem o vetor, o fator determinante para que elas existam.
Você sabe que não vai receber uma fake news de um jornal tradicional, uma rádio,
um canal de TV, mas a questão é que, se eles não estão dizendo o que você
gostaria de ouvir, você escolhe acreditar em alguém que diz o que
você gostaria de ouvir, mesmo sabendo que é falso.”

O pai das fake news, pg. 37

A obra, publicada pelo Grupo Citadel, é narrada em primeira pessoa pelo protagonista, quase como um diário de trabalho durante os meses que antecedem as eleições.

Especialista na construção do que chama de “pós-verdade”, Benny tem como método implantar uma divisão na sociedade de maneira que se crie um inimigo a ser combatido, não um mero adversário.

Ao usar esta tática, o estrategista não apenas derrubava os demais concorrentes ao cargo máximo da política nacional como formava a imagem de que o candidato para quem trabalhava era a única salvação.

Somente ele poderia acabar com a corrupção e reestabelecer um “quebrado”.

Enquanto alguns consideram Benny T. S. o maior estrategista político de todos os tempos, outros acreditam que ele não passa de um criminoso, que deveria estar atrás das grades.

Seus métodos podem até ser questionados, mas seus resultados jamais, afinal, Benny T. S. é O pai das fake news.

(Visited 2 times, 1 visits today)
Close
Pular para o conteúdo