Written by 07:22 Cursos, Debates, Palestras e Workshops, Educação, Notícias Views: 9

Clínica Pomar abre inscrições para pós-graduação lato sensu

5ª edição da pós-graduação lato sensu em Envelhecimento Ativo, Subjetividade e Arte é coordenado pela arteterapeuta e psicóloga Angela Philippini.

Banner de divulgação do curso de pós-graduação lato sensu em Envelhecimento Ativo, Subjetividade e Arte.

A Clínica Pomar abre as inscrições para a pós-graduação lato sensu em Envelhecimento Ativo, Subjetividade e Arte, trazendo não só o (re)conhecimento dos momentos de crises e perdas, como a descoberta de talentos e potenciais adormecidos, auxiliando em novas formas de ‘ser’ e ‘estar’.

A coordenação é de Angela Philippini, arteterapeuta, psicóloga, diretora da clínica Pomar de Arteterapia, presidente da Associação de Arteterapia do Rio de Janeiro, Mestre em criatividade pela Universidade de Santiago de Compostela na Espanha e Doutora em Ecologia Social pelo EICOS-UFRJ.

O envelhecimento é um percurso complexo, multifatorial e desafiador como um caleidoscópio. Estratégias criativas, expressivas, redes de apoio diversas e muita informação podem facilitar essa caminhada.

O curso de pós-graduação Lato Sensu em Envelhecimento Ativo permite conhecer mais sobre o tema e habilitar-se ao trabalho com o público idoso, crescente no Brasil.

A metodologia de ensino do curso é composta por aulas expositivas, leituras e debates de textos, filmes, dinâmicas de grupo, experiências com modalidades expressivas diversas, participação de atividades de campo relativas a fazeres artísticos, voltadas (ou não) ao público idoso.

Além da participação de Angela Philippini (coordenadora) que ministrará sobre envelhecimento ativo/psicologia analítica, o curso também terá a participação de Marcia Costa (Oficina de criatividade), Marcelo Adão dos Santos (Neurociência/Neuroestética), Paulo Antunes (Teatro Terapêutico), Cristiane Gerolis (Movimento Terapêutico), Alex Xavier Flores (Bioética/Cuidados Paliativos), Priscila Ferreira (Consciência Corporal/Dança), Nivea Freitas (Fotografia/Memória Afetiva), Bruna Estrella (Alimentação Natural), Bernardo Arraes (Metodologia de Pesquisa), Danielle Spada (Mídias Digitais), Luiz Costa Lima Neto (Música) e Tiago Pereira de Souza (Música).

Objetivo Geral do curso

A pós-graduação pretende instrumentalizar a compreensão de conceitos básicos de criatividade aplicada às transições existenciais de envelhecimento, de modo a promover novas estratégias de inserção do indivíduo idoso às redes sociais e atividades intergeracionais da comunidade em que vive, estímulo à participação ativa, com ênfase em experiências com arte e cultura, favorecendo a criação de formas mais inovadoras e criativas de utilização e administração do tempo.

Além disso, o curso pretende capacitar os alunos a promover oportunidades e experiências que gerem prazer e bem-estar ao indivíduo que envelhece, favorecendo a sua participação natural em ações comunitárias, propiciando bem-estar e melhor qualidade de vida.

Outro objetivo da pós-graduação é informar que programas e políticas de envelhecimento ativo devem reconhecer a necessidade de incentivar e equilibrar responsabilidade pessoal (cuidado consigo mesmo), ambientes amistosos para o idoso e solidariedade entre gerações.

E também capacitar para o assessoramento de famílias de idosos e os indivíduos que precisam planejar, preparar-se para a velhice, e precisam se esforçar pessoalmente para adotar uma postura de práticas saudáveis em todas as fases da vida. Instrumentalizar profissionais de áreas diversas para que os ambientes de apoio voltados para o idoso facilitem opções saudáveis que sejam de fácil acesso em múltiplos sentidos (econômico, geográfico e de acolhimento).

(Visited 9 times, 1 visits today)
Close
Pular para o conteúdo